“Brado Retumbante” ganha resenha de meia página no jornal O Estado de S. Paulo

A série de livros “Brado Retumbante”, do jornalista e escritor Paulo Markun, ganhou ampla resenha no Caderno 2, do jornal O Estado de S. Paulo. Em texto de meia página, o jornalista Luiz Zanin Oricchio destaca a construção de um dos períodos mais sórdidos da história do Brasil.
Segundo Oricchio, os dois volumes apresentam uma narrativa “encorpada” e que “preenche lacunas de memória”.
O livro “Na Lei ou na Marra – 1964-1968” cobre desde o Golpe de 1964 à decretação do Ato Institucional nº 5 (AI5) em 1968. Enquanto “Farol Alto Sobre as Diretas 1968 – 1984”, conta a tirania instalada no final de 1968 até o maior movimento de massas em prol da democracia e que acelerou o fim da ditadura no Brasil.
O lançamento dos volumes de “Brado Retumbante” também foi destaque na mídia de Porto Alegre, onde Paulo Markun fez noite de autógrafos no último dia 01 de dezembro, no Centro Municipal de Cultura, na capital gaúcha. Os veículos Zero Hora, Jornal do Comércio, Correio do Povo, entre outros noticiaram o evento.
A Atelier de Imagem e Comunicação é responsável pela assessoria de imprensa de Paulo Markun.
O Estado de S. Paulo_06.12.14